home not�cias an�lise quem � quem ABTV

acesse aqui a versão padrão

Lançamentos | 21/07/2021
Marcopolo apresenta nova linha G8 de ônibus rodoviários
A Marcopolo apresentou sua nova linha de ônibus, denominada Geração 8, na noite de terça-feira, 20, em evento virtual realizado em sua sede, em Caxias do Sul. Disponível nos modelos Viaggio e Paradiso (em suas diferentes versões), a nova carroceria foi desenvolvida para os chassis das principais montadoras, e as primeiras encomendas começam a ser entregues em agosto, segundo a encarroçadora. Durante o evento, aliás, foi confirmado que a Viação Águia Branca, do Espírito Santo, foi a primeira empresa a adquirir o novo modelo.


Linha G8 da Marcopolo traz estrutura reforçada e materiais mais leves na carroceria

"A Marcopolo busca sempre criar soluções de transporte inovadoras e realmente de valor para clientes, passageiros, colaboradores e parceiros de negócio. A Geração 8 é a representação deste propósito; um conceito concebido para tornar os ônibus mais seguros, confortáveis, eficientes e rentáveis. O nosso objetivo foi conceber um veículo capaz de transformar a experiência de viagem", declarou James Bellini, CEO da Marcopolo.



Além do visual renovado – que apresenta melhor aerodinâmica e, consequentemente, menor consumo de combustível –, o Marcopolo G8 se destaca por utilizar componentes feitos de polímeros especiais em partes como para-choques, grade frontal e tampa traseira, por exemplo. A medida permitiu reduzir o uso de fibra de vidro em 80%, o que proporciona maior leveza à carroceria, sem prejudicar a resistência e a absorção de impactos. Com isso, as peças podem ser reparadas ou recicladas com mais facilidade.


Central de controle no painel facilita operação por parte do motorista

De acordo com a fabricante, o Geração 8 também se destaca pelo nível de segurança inédito no País, uma vez que todos os modelos atendem a norma internacional R66.02 para tombamento – incluindo o modelo Paradiso 1800 DD, o que não é exigido no Brasil. A estrutura da carroceria traz um novo conceito em todas as colunas da estrutura, que conferem mais resistência a impactos e ao capotamento. Além disso, as colunas laterais possuem largura 25% maior, assim como o peitoril lateral, que foram elevados em 70 mm para oferecer mais proteção em caso de acidentes e tombamento.

Para o motorista, os veículos da Geração 8 trazem cabine reforçada, que proporciona deformação 78% inferior ao exigido pelas normas brasileiras. Segundo a Marcopolo, foram feitos testes práticos de impacto frontal a 40 km/h, no qual o sistema foi capaz de absorver a energia, com deformação controlada, aumentando significativamente a proteção ao condutor.

Eliminação de pontos cegos, rebaixamento da altura do painel em 70 mm para facilitar a visualização à frente, reposicionamento das colunas dianteiras para melhorar a visão dos retrovisores e porta de acesso com a parte inferior de vidro (para auxiliar na visualização de objetos na pista, pedestres e plataformas de embarque) são outras melhorias implantadas no veículo.

TECNOLOGIA EM CONFORTO E SEGURANÇA



O bem-estar do profissional não foi esquecido, e o novo modelo oferece poltrona do motorista mais confortável e ergonômica, além de contar com revestimento de neoprene na região do pescoço para se moldar ao biotipo de cada profissional. O painel possui controles mais acessíveis, com novo conceito de interface de comandos no quadro de controle.

As centrais de controle (Head Unit) da Geração 8 contam com diferentes versões e interfaces gráficas para facilitar a operação. Os modelos trazem telas de alta definição sensíveis ao toque, nos tamanhos de 5 e 10 polegadas, que proporcionam nova experiência de uso pelo motorista no controle das funções do veículo.

Outro destaque é o sistema de câmeras no lugar dos espelhos retrovisores, item oferecido como opcional que proporciona maior campo de visão mesmo sob condições climáticas adversas, já que o equipamento possui tecnologia de visão noturna.

Por fim, segundo a empresa, a linha New G7 (lançada em 2018 como atualização da gama G7, de 2009) continuará sendo oferecida, além de seguir recebendo atualizações e inovações. "Com forte trabalho de otimização dos processos industriais, será possível manter a produção das duas linhas simultaneamente. Assim, estaremos prontos para elevar a participação da Marcopolo nos mercados onde já estamos presentes, além de gerar oportunidades em novos mercados", afirmou Luciano Resner, diretor de operações industriais da Marcopolo.

[ voltar ]