home not�cias an�lise quem � quem ABTV

acesse aqui a versão padrão

Lançamentos | 15/10/2020
Mini lança nova geração do Countryman no Brasil
A Mini lançou oficialmente no Brasil a linha 2021 do Countryman, modelo com pretensões off-road do famoso compacto e que possui as maiores dimensões da família. Produzido na fábrica da empresa na Holanda, os novos Mini Countryman estarão à venda no País em outubro e em quatro versões, sendo duas com motor a combustão – Cooper Countryman (com preço sugerido de R$ 199.990) e John Cooper Works Countryman ALL4 (R$ 299.990) – e outras duas híbridas: Cooper S E Countryman ALL4 Exclusive (R$ 234.990) e Cooper S E Countryman ALL4 Top (R$ 264.990).

“O Mini Countryman é surpreendente em diversos aspectos; por toda a tecnologia embarcada, vasta gama de equipamentos de série e sistemas de propulsão utilizados, com opções com sistema híbrido plug-in e também versão esportiva com 306 cavalos – uma das mais potentes da categoria”, afirmou Rodrigo Novello, diretor de vendas e marketing da Mini Brasil. “O Mini Countryman surpreende também por suas dimensões externas e visual robusto, mas que ao mesmo tempo mantém a linha de design tão característico da marca; outro ponto surpreendente é a excelente utilização do espaço interno, acomodando cinco passageiros e bom volume de bagagem”, completou.


Na traseira, novo para-choque e lanternas com a bandeira do Reino Unido

A nova geração do Countryman se destaca pelos para-choques (dianteiro e traseiro) e grade redesenhados, assim como o conjunto óptico, que também têm novo formato. As lanternas, aliás, têm o desenho da bandeira do Reino Unido (como nos outros modelos da linha). A carroceria possui 4,29 m de comprimento e 2,67 m de entre-eixos, o que se traduz em bom espaço para os ocupantes, além de uma área razoável para bagagem. São 450 litros de capacidade no porta-malas nos modelos com motor a combustão e 405 litros nos híbridos.

Por dentro, o novo Countryman segue com o enorme mostrador central, com tela de 8,8 polegadas que exibe diversas informações do veículo, de entretenimento e de conforto. À frente do motorista, um pequeno display digital de cinco polegadas faz as vezes de quadro de instrumentos.

INVESTINDO NA ELETRIFICAÇÃO



Com relação à motorização, a atração são as novas versões híbridas, que, graças ao novo sistema, agora têm autonomia para até 57 quilômetros no modo totalmente elétrico. As configurações Exclusive e Top do Mini Cooper S E Countryman ALL4 contam com o motor tricilíndrico turbo a gasolina de 1.5 litro que, em conjunto com o elétrico, consegue entregar 224 cavalos, além de tração integral sob demanda e câmbio automático Steptronic de seis marchas.


Na cabine, o grande visor central chama a atenção

Para quem deseja um Countryman mais “apimentado”, a opção é a versão John Cooper Works ALL4, que possui sob o capô um 4-cilindros turbo com 306 cavalos e 45,9 kgfm – o mais potente da gama Mini e da categoria. Também dotado de tração integral sob demanda, o Countryman JCW possui câmbio automático Steptronic de oito marchas com sistema de controle de largada.

Já a versão de entrada Cooper Countryman conta com o motor 1.5 de três cilindros turbo a gasolina, capaz de entregar 136 cavalos e 22,4 kgfm, tração dianteira e câmbio automatizado de dupla embreagem e sete marchas.

[ voltar ]