home not�cias an�lise quem � quem ABTV

acesse aqui a versão padrão

Mercado | 20/05/2020
Indústria de pneus registra queda de 73% das vendas em abril
A indústria de pneus registrou forte queda nas vendas de abril em comparação com março, segundo dados divulgados na quarta-feira, 20, pela Anip, associação das fabricantes de pneumáticos. Abril foi o primeiro mês completo da adoção das medidas de isolamento e quarentena em vários municípios brasileiros, o que afetou fortemente tanto a demanda das montadoras de veículos quanto do mercado de reposição.


Com um total de 1,2 milhão de unidades entregues no mês passado, a queda foi de 73% com relação aos mais de 4,47 milhões de pneus vendidos em março.

O fechamento da maior parte das fábricas de automóveis, caminhões e ônibus do País fez com que a demanda pelas montadoras diminuísse 95,4% em abril na comparação com março, segundo a Anip, com pouco mais de 45,8 mil unidades. Em março, o volume vendido às montadoras foi de 988,7 mil pneus.

Já as vendas de pneus para o mercado de reposição recuaram 67% no comparativo mensal, passando de 3,48 milhões para 1,15 milhões.

De janeiro a abril, as vendas de pneus no Brasil acumulam queda de 26,3% sobre igual período do ano passado, que passou de 19 milhões para pouco mais de 14,5 milhões.

“À medida que a indústria de veículos como um todo voltar à atividade, acreditamos que será possível reativar o mercado de vendas de equipamento original. Quanto ao mercado de reposição, ele segue de acordo com as restrições de cada município e estado. Esse retorno heterogêneo e de longo período tem um alto custo para a indústria, por isso é preciso definir um novo conjunto de ações que suportem o retorno da indústria e da economia como um todo, como outros países já estão fazendo", afirma o presidente executivo da Anip, Klaus Curt Müller.

QUEDA ACENTUADA EM TODOS OS SEGMENTOS


Entre as categorias, o que mais puxou as vendas para baixo foi o segmento de pneus para automóveis, cujos volumes reduziram 85,5% em abril contra março. Para se ter uma ideia, todos os 352,3 mil pneus de automóveis vendidos pela indústria em abril foram para o mercado de reposição: as montadoras não compraram nenhuma unidade em abril, segundo a Anip.

Já nos pneus de carga, a queda foi de 55,1% na passagem de março para abril, passando de 616,4 mil para pouco mais de 276,3 mil unidades.

No mercado de motos, a Anip, que só registra os números para o mercado de reposição, anotou queda mensal de 45%.

[ voltar ]