home not�cias an�lise quem � quem ABTV

acesse aqui a versão padrão

Internacional | 10/09/2019
Sucessor de Carlos Ghosn na Nissan renunciará ao cargo este mês
A Nissan informa em comunicado divulgado que seu presidente executivo Hiroto Saikawa, que sucedeu a Carlos Ghosn ainda em 2017, renunciará ao cargo na próxima segunda-feira, 16. Na semana passada, o executivo admitiu ter recebido pagamentos indevidos e superiores ao que lhe correspondia, baseado nas altas das ações do grupo japonês.

“Recebi uma retribuição sob uma forma que não corresponde às normas em vigor. Acreditava que era fruto de um procedimento correto”, declarou Saikawa à imprensa japonesa.

“Saikawa recentemente indicou sua inclinação a renunciar e, de acordo com seu desejo de passar o bastão para uma nova geração de líderes da Nissan, ele renunciará em 16 de setembro", confirmou Yasushi Kimura, presidente do conselho da Nissan, à agência de notícias Reuters.

Segundo Kimura, o comitê do conselho de administração planeja nomear um sucessor para Saikawa antes do fim de outubro. O atual diretor de operações Yasuhiro Yamauchi assumirá o cargo interinamente.

Ainda na semana passada, Saikawa, que assumiu a direção executiva da Nissan em 2017 no lugar de Carlos Ghosn, pediu perdão "pela perturbação provocada" e garantiu que vai devolver o dinheiro recebido indevidamente. A confissão do executivo ocorre após a publicação de uma série de artigos sobre investigações internas da Nissan referentes a possíveis pagamentos irregulares ligados à cotação das ações do grupo, que teriam beneficiado Saikawa e outros executivos.

O caso será analisado pelo conselho de administração da Nissan no fim deste mês, segundo a imprensa japonesa.
[ voltar ]