home not�cias an�lise quem � quem ABTV

acesse aqui a versão padrão

Indústria | 06/02/2018
Exportação de veículos tem o melhor janeiro da história
O bom momento para as exportações de veículos parece não ter ficado para trás. No mês passado a indústria teve o melhor janeiro da história em vendas a outros mercados, com 47 mil veículos negociados em diversas regiões. O volume é 23,1% inferior ao anotado em dezembro, mas 23,6% maior do que o registrado há um ano.


- Faça aqui o download dos dados de janeiro da Anfavea
- Veja outras estatísticas em AB Inteligência



“Tudo caminha para que este ano supere o recorde alcançado em 2017”, aponta Antonio Megale, presidente da Anfavea, entidade dos fabricantes de veículos que divulgou os resultados na terça-feira, 6. A entidade projeta evolução de 5% até o fim do ano, para 800 mil veículos exportados. Do total vendido internacionalmente, 44,5 mil unidades foram veículos leves, 1,9 mil caminhões e 539 ônibus.





ARGENTINA SEGUE COMO PRINCIPAL MERCADO



A Argentina seguiu como principal mercado dos carros brasileiros, apesar da polêmica provocada pelo governo da região, que quer exigir que as montadoras que excederam os volumes enviados ao país no ano passado, paguem impostos de importação por estes produtos. A questão é que o acordo automotivo entre Brasil e Argentina tem validade de cinco anos, com cotas definidas para exportação e importação. “O acertado é que apenas no fim destes cinco anos as empresas acertem essa diferença. Isso se ela existir, porque pode ser que o volume excedente de um ano seja compensado no próximo”, diz Megale.

O segundo grande mercado dos veículos brasileiros foi o México, seguido do Chile e da Colômbia, com quem o Brasil estabeleceu acordo automotivo que entrou em vigor em dezembro de 2017. “As vendas em geral não estão muito aquecidas lá, mas é um mercado importante para os nossos produtos”, observa. O executivo acredita que a prioridade da indústria é melhorar a participação dos modelos nacionais nos países da América Latina. Depois desta etapa, Megale entende que a África e o Oriente Médio são regiões que podem ser desbravadas pelas exportações nacionais.

FATURAMENTO COM EXPORTAÇÕES CHEGOU A US$ 1,31 BILHÃO



O faturamento das empresas com exportações também segue a tendência de evolução e chegou a US$ 1,31 bilhão em janeiro, considerando veículos e máquinas agrícolas. O montante é o segundo melhor da história para o mês, com queda de 21,6% na comparação com dezembro, mas evolução de 26% sobre janeiro de 2017.


Assista ao balanço da Anfavea em vídeo:



[ voltar ]