home not�cias an�lise quem � quem ABTV

acesse aqui a versão padrão

Mercado | 02/01/2018
Vendas crescem depois de quatro anos de baixa
Considerando que desde 2013 as vendas de veículos no País vinham caindo de forma abrupta, e levando em conta que as estimativas dos fabricantes para 2017 eram de avanço em torno de meros 4%, o resultado do mercado brasileiro em 2017 pode ser comemorado, ainda que os números sejam ainda muito distantes dos recordes históricos do setor. Dados provisórios revelados com exclusividade pela equipe da Agência Autoinforme revelam crescimento de 9,4% nas vendas de carros e comerciais leves, com 2.172.448 licenciamentos somados em 12 meses até a sexta-feira, 29 (algumas concessionárias trabalharam no sábado, 30, por isso pode haver acréscimos de alguns licenciamentos).

Como comparação entre o pior e o melhor momento do mercado de veículos leves no Brasil, em 2016 foram licenciados 1.986.526; em 2012, recorde do setor, foram vendidas 3.635.518 unidades.

A expectativa de crescimento acima da média no último mês do ano, como é recorrente nesse setor, não ocorreu este ano. Com 204.703 unidades, dezembro foi 2,9% melhor do que dezembro do ano passado e superou novembro em 3,8%, mas perdeu em vendas diárias, que é o melhor indicativo de temperatura do mercado: foram vendidos apenas 10.235 carros pro dia útil em dezembro, contra 10.380 em novembro.

GM CONSOLIDA LIDERANÇA

Confirmando a supremacia que manteve durante todo o ano, a GM fechou 2017 na liderança do mercado e com larga vantagem em relação aos concorrentes. A fabricante vendeu 394.118 unidades em 2017, o que representou 18,1% de participação, sendo que a maior parte dos emplacamentos foi do Chebrolet Onix (188.663), o carro mais vendido do País (veja aqui a lista completa dos 100 modelos mais emplacados em 2017).

Fiat e Volkswagen, seus principais rivais, ficaram na segunda e na terceira colocação, mas com cerca de 100 mil unidades a menos. A Fiat somou 291.349 emplacamentos, ficando com 13,4% de participação, e a Volkswagen 272.079 (12,5%).

Veja abaixo a lista das 35 marcas mais vendidas em 2017



____________________________________________________
Este texto foi publicado originalmente na Agência Autoinforme
joelleite@autoinforme.com.br
[ voltar ]